O título do blog tem amplo significado. Tanto o autor como o presente espaço estão em constante construção.
(Afinal, somos seres inconclusos...). O blog vem sendo construído periodicamente - como todo blog - através da postagem de textos, comentários e divagações diversas (com seu perdão pela aliteração).

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Eu não quero me apaixonar por Jesus

Na presente postagem quero consignar, em breves palavras, o motivo pelo qual não sou apaixonado por Jesus, tampouco quero me apaixonar por Ele.
Primeiramente porque a paixão, no sentido a que ora me refiro, é sempre temporária. Por maior que seja a intensidade com que aflora, tende a paulatinamente diminuir até desaparecer. Durante sua permanência traz insegurança, ansiedade e ciúmes excessivos, que por sua vez pode acarretar as mais indesejáveis (em sã consiência) ânsias.
Na paixão imperam as emoções, ficando tolhida a razão. Isso pode trazer a cegueira quanto à realidade, deixando o apaixonado numa dimensão em que pode imaginar que o mundo gira em redor de seu próprio umbigo.
Há cerca de um século, cientistas descobriram a feniletilamina, uma substância produzida pelo corpo humano e associada à paixão.  De acordo com pesquisas, o cérebro a produz mediante alguns eventos, como por exemplo o contato físico ou mesmo um simples olhar. Há outras substâncias relacionadas à paixão, como a dopamina e a ocitocina.
Trocando em miúdos, a paixão nada mais é que a consequência de uma reação química que ocorre no organismo e, segundo estudos, dura cerca de seis meses (às vezes um pouco mais, outras vezes um pouco menos).
Definitivamente, não sou apaixonado por Jesus. Até porque Ele nunca perguntou pra ninguém: "Estás apaixonado por mim?". Não é isso que Ele quer saber, mas sim se o amamos. Isso Ele perguntou a Pedro e pergunta a cada um de nós. Independente do fato de que na maioria das vezes nosso amor é ínfimo. Ele bem conhece nossas limitações, e sabe que nosso amor está muito aquém do que Ele merece. Mas importa que o amemos.
A paixão pode levar uma pessoa a matar por outra. Já o amor leva uma pessoa a morrer por outra.
A paixão é passageira, efêmera. Já o amor é progressivo e duradouro. No caso d'Ele, o amor  que tem por mim e por você é Eterno.
Sim, meu amor é limitado, e Ele sabe. Mas melhor amar com esse amor limitado (mas  progressivo) do que estar apaixonado.
Soli Deo Gloria
Alessandro Cristian

9 comentários:

  1. Nossa que profundo isso,gostei do texto ,esclarecedor,gostaria de sua autorização para imprimi-lo e levar na EBD dos adolescentes ao qual sou professora,como você sabe,os adolescente tem uma forte impulso a se apaixonar

    Em Cristo

    ResponderExcluir
  2. Prezada irmã Cidinha
    Fique à vontade para utilizar os textos deste blog.
    Deus abençoe sua vida.

    ResponderExcluir
  3. Sou apaixonado por Jesus???

    Nasci em um lar cristão e fui ensinada "à moda antiga" a servir ao Senhor Jesus.

    Em toda minha, adolescência sempre abominei a palavra "paixão" em todos os sentidos que ela fosse colocada.
    Porque sempre à tive como algo efêmero, “fogo de palha”, “chuva de verão” e a primeira vez que vi essa palavra sendo colocada ao lado de Jesus, fiquei “chocada”, confesso que um pouco revoltada, e perguntei-me: “por que algo passageiro está ao lado de Jesus, se Ele é Eterno? Será se essas pessoas não entendem? Tipo assim, "ah Senhor eu gosto de ti mas se aparecer algo 'novo' na minha vida eu te deixo, foi o bom o quanto durou", e é isso paixão por Jesus...isso é assustador!!!

    Com o passar dos tempos parece que "relevamos" as coisas né, mas não podemos relevar afinal mesmo que os tempos tenham mudado e com o tempo essas palavras que tinham um sentido, sofreram adições de outros significados ao longo do tempo ou pequenas distorções para mascarar o entendimento do seu verdadeiro sentido, bem como do seu efeito.

    O Eterno não quer uma noiva “apaixonada”, mas uma noiva que ame sem reservas seu Amado.

    Palavras de efeito, linda, pode acreditar!!!

    ps: Confesso a você Alessandro que eu mesmo já me deixei levar pelo termo "paixão" e até falei e cantei ao Senhor, mas pela graça de Deus pude ver a Verdade e parei c/esse tal termo, é devemos está atentos a TUDO ao nosso redor, os tempos mudaram, mas a PALAVRA não muda, é IMUTÁVEL, se meditarmos na Palavra veremos AMOR e não paixão...

    ResponderExcluir
  4. Olá, Cacau!
    Entendeste perfeitamente o que quis dizer.
    Deus continue te abençoando.

    ResponderExcluir
  5. Querido, excelente.

    estou divulgando seu texto no meu blog com seus créditos ;;;


    divulge meu banner, que farei o mesmo com o seu...


    http://prmarcello.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. OLA IRMÃO SOU JOSY ARAUJO, ESTOU CONFUSA COM AS SITUAÇÕES DE MINHA VIDA, PORÉM DESCOBRI ALGO GRANDE...ESTOU A PROCURA DE JESUS PARA SER UMA NOVA CRIATURA, SALVAR MINHA FAMILIA, LEVAR MEU MARIDO A CASA DO PAI , TIRAR A ANGUSTIA DO MEU PEITO, COLOCAR UM BRILHO NO ROSTO DE MINHA FILHA. PORÉM TUDO ISSO SÓ SERÁ CONCRETIZADO QUANDO EU DESCOBRIR QUEM É JESUS.EU JÁ O ACEITEI COMO MEU SENHOR E SALVADOR, JÁ RETIREI DE MINHA VIDA COISAS QUE MUNDANAS, ESTOU MUDANDO MUITO MINHA VIDA, PORÉM SINTO QUE FALTA ALGUMA COISA A MAIS, PARA TER ESTE ENCONTRO COM ELE E NÃO SEI OQUE É? QUERO SER UMA NOVA PESSOA, NOVA CRIATURA...ME AJUDE. QUERO SER E ESTAR APAIXONADA PELO SENHOR DE TODAS AS FORMAS PENSAR NELE TODO MOMENTO, ESTAR COM ELE A CADA SEGUNDO DE MINHA VIDA.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezada Josy, o caminho é esse: buscar a Deus, crer em Cristo e segui-lo. O vazio faz parte do coração do ser humano. Só seremos definitivamente completos na Eternidade. Enquanto estamos aqui, devemos permanecer na presença d'Ele. Nunca tomar atitudes precipitadas, nem desanimar. Antes de tudo, demonstrar amor para com todos. E ficar firme.
      Deus abençoe sua vida.

      Excluir
  7. Respostas
    1. Grato pela visita e pelo apoio, Sissy!
      Deus te abençoe.

      Excluir

Deixe sua opinião...
Que Deus muito o abençoe.